Busca:

Pé diabetico
Dom, 01 de Maio de 2011 22:28

O portador da diabetes, deve ter cuidados redobrados com seus pés. Devido ao aumento anormal de açúcar no sangue, os nervos podem ser danificados, o que é conhecido como neuropatia.A diabete neuropática afeta principalmente os nervos responsáveis pela sensibilidade dos pés. Isso diminui a sensação de dor na região. Lesões como cortes, bolhas, calosidades, unhas encravadas, o uso de sapatos apertados, costuras de meias e até queimaduras pela areia da praia, podem ser o inicio do problema.

Uma lesão não tratada pode infeccionar, e uma infecção não tratada pode evoluir para gangrena. A gangrena, se não for tratada, pode ocasionar a amputação do pé ou da perna. A diabetes também pode danificar os vasos sanguíneos do pé, estreitando-os. Vasos estreitos carregam menos sangue até aos pés, deste modo faltam nutrientes e oxigénio suficiente para combater as infecções. É aí que os pés se tornam ainda mais delicados e um pequeno corte já é muito perigoso.Quando nervos e artérias estão danificados, as lesões rapidamente se complicam e ameaçam todo o pé e perna. Se mesmo assim não for tratada, a infecção pode ameaçar todo o corpo.

O portador da diabetes, deve ter cuidados redobrados com seus pés. Devido ao aumento anormal de açúcar no sangue, os nervos podem ser danificados, o que é conhecido como neuropatia.A diabete neuropática afeta principalmente os nervos responsáveis pela sensibilidade dos pés. Isso diminui a sensação de dor na região. Lesões como cortes, bolhas, calosidades, unhas encravadas, o uso de sapatos apertados, costuras de meias e até queimaduras pela areia da praia, podem ser o inicio do problema.

Uma lesão não tratada pode infeccionar, e uma infecção não tratada pode evoluir para gangrena. A gangrena, se não for tratada, pode ocasionar a amputação do pé ou da perna. A diabetes também pode danificar os vasos sanguíneos do pé, estreitando-os. Vasos estreitos carregam menos sangue até aos pés, deste modo faltam nutrientes e oxigénio suficiente para combater as infecções. É aí que os pés se tornam ainda mais delicados e um pequeno corte já é muito perigoso.Quando nervos e artérias estão danificados, as lesões rapidamente se complicam e ameaçam todo o pé e perna. Se mesmo assim não for tratada, a infecção pode ameaçar todo o corpo.

Dicas importantes:
• Se é diabético, previna-se, trate os pés com um podológo, pelo menos uma vez por mês;

• Faça a dieta correta, conforme orientação medica;

• Sempre use meias de algodão não se esquecendo que as mesmas deverão ser claras e com costuras de preferencia com corte laser, para que a costura não atrite com a pele.

• Ajuste a meia afim de que ela não faça dobras e também não atrite com a pele;

• Os sapatos também devem ser analisados, para que não haja recortes com costura por dentro deles, assim como ilhoses, cadarços e não esquecer de que eles jamais poderão ser apertados.

 

Depoimentos


Falar sobre o trabalho da Sirlei é algo que dá muita satisfação. A palavra "alívio" sempre nos dá uma sensação boa, nos traz paz. A Sirlei é responsável por parte da minha qualidade de vida. Eu sofria com unha encravada durante muito tempo e nunca tinha encontrado um profissional que efetivamente resolvesse a questão. A Sirlei, com seu jeito...


Sirlei conhecer Você foi um grande acontecimento em minha vida, pela profissional que Você é, tenho a segurança de recomendar o seu trabalho à todas as pessoas que necessitam cuidar-se e as vezes não sabem onde encontrar um profissional com responsabilidade e conhecimento das causas e soluções, foi conhecendo o teu trabalho que tive a segurança...

Home > Blog > Pés > Pé diabetico
Entre em Contato

sirlei@podologiaemdomicilio.com.br

whatsapp

(41) 3014.7369

sirlei@podologiaemdomicilio.com.br
WhatsApp:(41) 9621.9982
Telefone:  (41) 3319.1796

 

Endereço
R. Venezuela. 309A, Bacacheri - Curitiba / PR

 
Siga-nos no Twitter Nossa página no Facebook Veja nossos vídeos no Youtube Conceito Ideal